“Números reforçam crescimento sólido do turismo alagoano e medidas acertadas”, diz Marx

Ministro alagoano avaliou dados do setor publicados em série especial de reportagens do jornal Gazeta de Alagoas

Neste sábado (16), Alagoas comemora 200 anos de emancipação política e o turismo do estado tem muito a comemorar. A capital Maceió, por exemplo, recebeu mais 100 mil pessoas na rede hoteleira no primeiro semestre deste ano, cinco vezes mais que o ano passado. A construção de novos empreendimentos, consolidação de eventos que geram fluxo turístico e crescimento da atividade estiveram entre os temas de reportagem especial da Gazeta de Alagoas em comemoração ao bicentenário. 

Leia mais...

MST comercializa 458 toneladas de alimentos durante Feira em Maceió

Foram cerca de 200 camponeses e camponesas de todas as regiões de Alagoas, vindos dos acampamentos e assentamentos da Reforma Agrária que, durante a realização da 18ª Feira da Reforma Agrária em Maceió comercializaram 458 toneladas de alimentos saudáveis durante os dias de feira na capital alagoana, por onde passaram 50 mil pessoas na Praça da Faculdade.

“Ocupamos Maceió por quatro dias com a materialização do que a gente quer para a sociedade alagoana e brasileira, seja no campo ou na cidade”, com essa fala, Débora Nunes, da coordenação nacional do MST destacou a importância da realização da edição da Feira, realizada entre os dias 6 e 9 de setembro.

Leia mais...

Terceirizados que atuaram nas obras de mobilidade urbana do Estado são vítimas de calote

Mais de 50 empregados que laboraram na construção de escadarias em grotas de Maceió estão sem receber salários e verbas rescisórias; MPT notificou Ônix Construções e Secretaria de Transporte e Desenvolvimento Urbano de Alagoas (Setrand) a prestarem explicações

 Maceió/AL – O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Alagoas notificou a empresa Ônix Construções e a Secretaria de Transporte e Desenvolvimento Urbano do estado (Setrand) a explicarem a falta de pagamento de salários e verbas rescisórias a mais de 50 trabalhadores terceirizados. Os empregados prestaram serviços à Ônix nas obras de mobilidade urbana de Alagoas - que incluem a construção de escadarias nas grotas de Maceió -, mas foram vítimas de um calote.

Leia mais...

Ouvidoria do MPT lança aplicativo para facilitar comunicação aos usuários

Aplicativo da Ouvidoria do MPT já está disponível na loja de aplicativos Google Play; usuários poderão realizar demandas via app, que serão encaminhadas ao formulário eletrônico da Ouvidoria

Maceió/AL - Já está disponível, na Play Store, o novo aplicativo da Ouvidoria do Ministério Público do Trabalho. A nova ferramenta vai permitir a todos os cidadãos o acesso a mais de um canal de comunicação com a Ouvidoria.

Leia mais...

Escravidão contemporânea: em 14 anos, órgãos de fiscalização resgatam 750 vítimas do trabalho análogo ao de escravo em Alagoas

Ministério Público do Trabalho e Organização Internacional do Trabalho coordenam Observatório Digital do Trabalho Escravo no Brasil, que reúne informações sobre 43.428 trabalhadores resgatados no período de 2003 a junho de 2017

Maceió, AL - Associada à imagem de terra da liberdade por ser palco do quilombo mais famosos do país, o de Zumbi dos Palmares, Alagoas ainda vive dias de escravidão. De 2003 a junho de 2017, o Ministério Público do Trabalho (MPT) ajudou a resgatar 750 trabalhadores que se encontravam submetidos a condições análogas à escravidão, seja por meio do trabalho forçado, da restrição de locomoção em razão de dívidas, da submissão a condições degradantes ou jornadas exaustivas. Isoladas ou entrelaçadas, cada uma dessas condutas caracteriza o crime de trabalho análogo ao de escravo.

Leia mais...

FacebookTwitterGoogle Bookmarks
  • 320 x 320 - Clipping

Previsão do Tempo